CÂMARA QUE VOTAR PROJETOS DO EXECUTIVO ANTES DO RECESSO

camara xA Câmara Municipal de Ponta Grossa pretende votar todos os projetos enviados pelo Poder Executivo antes do recesso programado para a segunda quinzena de dezembro.

No início da semana, o Prefeito Marcelo Rangel anunciou que haverá licença remunerada de 40 dias para os funcionários públicos municipais, a partir de 16 de dezembro. Com isto, o envio dos projetos de interesse da Prefeitura deverá ser acelerado, pois faltam 30 dias para a paralisação da maioria das atividades administrativas dos dois poderes.

“Queremos evitar que os projetos cheguem perto da data do recesso e tenhamos que votar às pressas. Já avisei ao líder do Governo que esta mesa executiva não fará isto. Não vamos votar projetos no afogadilho, sem que passe pelas comissões e sejam analisados dentro dos prazos regimentais”, disse Aliel Machado, presidente da Câmara.

A situação é bastante comum nas administrações municipais. Ao longo dos anos, os Prefeitos deixam para a última hora a confecção de projetos de interesse por conta de dotações orçamentárias ou projetos de início de ano, mas que precisam ser votados no exercício anterior. Com isto, os projetos são enviados poucos dias antes do recesso para que possam ganhar status de “urgente”, com votações corridas e em sessões extraordinárias na Câmara Municipal.

“Estaremos em recesso a partir de 15 de dezembro, mas se precisar, vamos fazer sessões extraordinárias, mas espero que o Executivo nos envie os projetos importantes antes, para podermos analisar e discutir antes das votações, não vamos fazer votações só porque a Prefeitura não mandou os projetos antes. Já estamos esclarecendo antes para que não ocorram problemas e depois digam que a Câmara não quis votar algum projeto importante”, completou Machado.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →