Tibagi: secretário de finanças quer reduzir gastos da prefeitura

Audiência Pública em Tibagi discutiu redução dos gastos da Prefeitura. Foto: Christian Camargo.

O secretário de finanças da Prefeitura de Tibagi, Erli Prestes, demonstrou preocupação com relação aos gastos do Poder Executivo ao apresentar os números relativos às receitas e despesas do executivo no segundo quadrimestre deste ano durante Audiência Pública na Câmara Municipal.

Prestes ressaltou que a orientação neste momento é para corte de gastos. “Todas as secretarias foram orientadas a diminuírem suas despesas. Já projetei uma receita nesses quatro meses finais e então temos que gastar dentro desse limite. Ainda não estamos com déficit, mas se não houver uma contenção, o déficit vai ser inevitável. Investimentos que não são essenciais vamos precisar segurar”, explicou o secretário.

Preocupação esta compartilhada também pelo presidente da Câmara, Elizeu Cortez (PHS), que vê no corte de gastos uma saída para evitar a crise e um futuro endividamento do município. “Nota-se que existe uma preocupação com o déficit público, que é um problema que a maior parte dos nossos municípios enfrenta, que é gastar mais do que arrecada. Esperamos que o prefeito possa observar os alertas dados pela secretaria de finanças para que a gente chegue no final de ano sem o grande déficit público. Quando assumimos, herdamos uma grande dívida da administração anterior. O objetivo agora é chegar ao final dessa gestão sem dívidas, entregar um município com as finanças saneadas”, destacou.

  • Da assessoria.

 

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →