Vereadores de Palmeira não receberão 13º salário e férias

Vereadores de Palmeira declinaram da possibilidade de receber o 13º Salário e o abono de férias. Foto: Divulgação – CMP.
O presidente da Câmara Municipal de Palmeira, Pastor Alselmo, esteve reunido com os demais parlamentares na noite da última terça-feira (25) logo após a sessão ordinária para discutir sobre um comunicado do UVEPAR – União dos Vereadores do Paraná, sobre o RECURSO EXTRAORDINÁRIO 650898 que reconheceu o direito ao pagamento do décimo terceiro subsídio e abono de férias, conforme amplamente noticiado, defendido e orientado pela Diretoria da UVEPAR em seus diversos veículos de comunicação. 
Nesse comunicado a UVEPAR informa que o Supremo Tribunal Federal – STF publicou o acórdão do histórico julgamento, com repercussão geral reconhecida, em que os Ministros entenderam serem os agentes políticos possuidores do direito ao recebimento do 13º subsídio e do abono de férias. 
Entretanto, nesta reunião com o presidente, todos os vereadores votaram por não receber nem o 13º salário e nem o abono de férias, não acatando no âmbito do legislativo tal decisão.
PROJETOS APROVADOS
Durante a sessão ordinária, foram aprovados diversos 13 (treze) projetos em primeira e segunda discussão. O presidente Pastor Anselmo destacou a atuação do vereador Domingos Kuhn que presidiu a última sessão, bem como a presença do secretário Municipal de Esporte e Lazer Moisés Américo durante a sessão.
Utilizando a Tribuna, o vereador João Alberto Ferreira da Costa destacou algumas funções do do Poder Legislativo, entre elas de propor Leis e fiscalizar as atividades do Poder Executivo.
  • Paulo Sérgio Rodrigues, editor – com informações da assessoria.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →