George quer que empresas devolvam para o município os terrenos não utilizados

George mostra a Lei aprova nos anos 80 que cedeu o terreno para a antiga fábrica da Cola-Cola, que não existe mais. Foto: Kauter Prado – CMPG.

O vereador George Luiz de Oliveira (PMN) utilizou a Tribuna da Câmara Municipal de Ponta Grossa durante a sessão desta segunda-feira (13) para cobrar o cumprimento das leis de doação de terrenos para as empresas se instalarem no município.

“Temos aqui o caso da fábrica da Cola-Cola, que através da Paraná Refrigerantes recebeu a doação daquele terreno em Uvaranas, através da Lei aprovação pela Câmara Municipal em abril de 1981, mas que depois desativou a fábrica e hoje utiliza o imóvel como um centro comercial para a distribuição dos produtos”, comentou.

George disse ainda que solicitou toda a documentação para o departamento jurídico da Câmara Municipal e vai encaminhar pedidos de informações da Prefeitura. “A contra partida da empresa na época era a geração de 300 empregos diretos e também o aumento na arrecadação de impostos. Porém, isto não continua agora e precisamos ver como vai ficar isto”, salientou.

Para o parlamentar é importante que a Prefeitura também tome a iniciativa de levantar todos os imóveis que por ventura não foram utilizados corretamente para as empresas, ou que foram utilizados mas atualmente mudaram seu formato inicial, para através de leis específicas o município possa retomar estes imóveis e ceder para outras empresas que desejam se instalar na cidade.

  • Paulo Sérgio Rodrigues, editor.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *