Vereadores aprovam verba para evento no Parque Histórico

Vereadores de Carambeí aprovaram a verba para a festa de Natal, mas rejeitaram o pedido de abertura de duas investigações. Foto: Arquivo.

Os vereadores de Carambeí aprovaram por 9 votos à favor e 2 contra, a utilização de uma verba de R$ 100 mil para a organização e produção da Festa de Natal do Parque Histórico, tradicional evento realizado na cidade e que atraí visitantes de várias regiões do Estado.

Votaram contra o projeto os vereadores Emerson Sheick e Antonio Joel Cosa. Ambos alegaram que não estavam de acordo com a utilização do valor, tendo em vista a situação financeira precária do município, e que a Prefeitura deveria buscar outras formas para a realização do evento, como o patrocínio de empresas privadas, por exemplo.

Outros parlamentares aprovaram a proposta, porém fizeram ressalvas. “O grande erro deste projeto é pelo fato de nem deveria passar pelo legislativo e estar previsto na LOA como dotação orçamentária”, disse o vereador Paulo Valenga. Ele ressaltou ainda que não é contra o evento no parque, mas sim a forma do projeto.

“Votei a favor por ser a única coisa que temos na cidade relativo a cultura e o turismo, mas coloquei minha posição destacando a falta de gestão, falta de planejamento e fizeram um projeto político pra mostrar a população”, salientou.

Por sua vez, Antonio Joel Cosa defendeu seu voto contrário à matéria: “Sabemos que esta verba foi um acordo entre o presidente do legislativo e o Executivo, com a economia que os vereadores fizeram trabalhando meio expediente e devolvendo o dinheiro para a Prefeitura. Não sou contra o evento no Parque Histórico, mas não concordo com este tipo de procedimento”, justificou.

CEI NÃO PASSOU

Além deste projeto da verba para a Festa de Natal, os vereadores debateram ainda dois pedidos para abertura de Comissão Especial de Investigação e ambos foram negados. A oposição queria investigar alguns problemas relacionados com a área da saúde e outra denúncia quanto a processos de licitação da Prefeitura. Porém, desta vez, o placar foi mais apertado: 6×5 para os governistas.

Porém, o “Grupo dos 5” mostrou que está cada vez mais unido e deve dificultar ainda mais as coisas para os lados do prefeito Osmar Blum em 2018.

  • Paulo Sérgio Rodrigues, editor.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *