Assembleia aprova projeto que autoriza a PM a reproduzir cavalos para a Polícia Montada

Projeto garantiu recursos para a criação de animais para a PM. Foto: Divulgação.
Foi aprovado nesta segunda-feira (16) pelo plenário da Assembleia Legislativa o projeto de Lei que autoriza a Polícia Militar do Paraná a promover a reprodução e criação de um plantel próprio de equídeos para uso nas unidades do Regimento de Polícia Montada (RPMon). O projeto é de autoria dos deputados Marcio Pauliki, Luiz Claudio Romanelli, Pedro Lupion e Delegado Recalcatti.
“Esse projeto é importante para que a corporação da Polícia Militar possa ter um incremento financeiro para ser aplicado em sua infraestrutura”, afirma o deputado Pauliki.
Atualmente, os animais são adquiridos por meio de licitações. Embora realizadas com rigor administrativo e mediante exigências técnicas, nem sempre essas compras asseguram cavalos de alto padrão.
Além do policiamento ostensivo, os cavalos do RPMon também são utilizados para competições esportivas, como o hipismo, e na realização de um grande trabalho social, que é a equoterapia – tratamento interdisciplinar de crianças e adolescentes com deficiências psicomotoras. A equoterapia utiliza os movimentos do cavalo para proporcionar ao paciente equilíbrio, tônus muscular, flexibilidade, relaxamento e conscientização corporal. A lei que regulamentou a prática da equoterapia realizada pela PM foi de autoria do deputado Pauliki
De acordo com a proposta, a produção própria de equídeos poderá também gerar um excedente para ampliar o policiamento montado e fornecer animais a preço subsidiado para agricultores familiares..
“Dessa forma, a reprodução de equinos possibilita uma real criação de ativos financeiros para o governo e para o orçamento da Polícia, além de significar uma economia com a compra de animais via licitação. Além disso, poderemos ampliar o atendimento de equoterapia que hoje tem uma fila de centenas de crianças e adultos aguardando pelo tratamento”, explica Pauliki.
  • Da assessoria.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *