Dois ex-prefeitos de Araucária e um ex-secretário de Richa são presos pelo GAECO

Exc-prefeitos Olizandro Ferreira e Rui Sergio de Souza, e o ex-secretário Edson Casagrande, tiveram prisão decretada em Araucária.
O Ministério Público do Paraná (MP-PR) deflagrou, na manhã desta quinta-feira (5), uma operação que tem como alvos vereadores, funcionários públicos e dois ex-prefeitos de Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba. Estão sendo cumpridos 21 mandados de prisão e 23 de busca e apreensão, inclusive na Câmara Municipal. Também há mandados de condução coercitiva.
O ex-prefeito Olizandro José Ferreira teve o mandado de prisão decretado pela Justiça. Policiais foram até a casa dele nesta manhã, mas não o localizaram. Também foi decretada a prisão do ex-prefeito Rui Sérgio de Souza, que era vice e assumiu após a renúncia de Ferreira. Souza já está preso por ter sido condenado a 50 anos de prisão por crimes contra a administração pública.
Entre os presos na operação deflagrada hoje estão vereadores e o ex-secretário do governador Beto Richa (PSDB), Edson Casagrande. Os nomes dos vereadores presos não foram confirmados até o momento pelo MP-PR. Os mandados estão sendo cumpridos com o apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).
A operação deflagrada hoje foi dividida em três fases: “Mensalinho”, “Alqueire de Ouro” e “Vida Fácil”.
A “Mensalinho” tem relação com pagamentos feitos a vereadores da cidade, já a  “Alqueire de Ouro” trata da compra de um terreno superfaturado pela Companhia de Desenvolvimento do Município de Araucária (Codar), e a fase chamada de  “Vida Fácil” trata do pagamento de propina  que envolvem a Cohab de Araucária.
A denúncia se baseou em sigilos bancários quebrados, delações de ex-funcionários públicos e flagrantes de entrega de propina a parlamentares
  • Publicado pelo portal da Rádio Banda B.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *