No Sudoeste, João Arruda fala de segurança, saúde e pedágio

João Arruda este no sudoeste do Paraná participando de diversos eventos no último final de semana. Foto: Divulgação.
O deputado João Arruda, candidato do MDB ao Governo do Estado, encerrou na noite de domingo (26) em Foz do Iguaçu, a série de encontros no Sudoeste e Oeste do Paraná. A aceitação das pessoas, segundo ele, tem sido o destaque das reuniões em todas regiões do Paraná. “A população tem demonstrado que quer mudança”, disse.
Antes de abrir o encontro em Foz do Iguaçu, João Arruda falou com a imprensa e destacou suas principais propostas para o município. “É preciso investir em segurança pública, com firmeza. Polícia nas ruas, polícia comunitária, nas fronteiras e em parceria com a Polícia Federal”, destacou.Hospital – João Arruda também falou do Hospital Municipal Padre Germano Lauck, erguido em 2006 pelo Governo Requião. “Temos o projeto do Hospital Regional que não pode ficar refém de uma negociação temporária com o Estado, é preciso de uma solução definitiva”, disse ele, lembrando que o prazo da intervenção do Estado termina em dezembro deste ano.
Segunda ponte 
O candidato do MDB lembrou que já encaminhou, junto com a bancada federal do partido, que inclui os deputados Sérgio Souza e Hermes Frangão Parcianello, uma solução para a construção da segunda ponte com o Paraguai em Foz do Iguaçu, com dinheiro da Itaipu. “O presidente da República já autorizou. Só basta uma negociação com o novo presidente do Paraguai, para que as obras tenham início”, ressaltou.
Turismo – João Arruda também destacou que é necessário investir no turismo da região de Fronteira. “Temos Foz do Iguaçu como referência e precisamos investir em infraestrutura”. É preciso acabar também, segundo João Arruda, com esta política que obriga os prefeitos ir a cada três meses à Curitiba “beijar a mão do governador”.
Sem pedágio
Em relação ao pedágio das rodovias do Paraná, João Arruda disse que vai implantar um modelo novo a partir de 2021, quando vencem os contratos. “Hoje temos candidatos e seus vices que apresentaram inclusive uma carta de compromissos reivindicando a prorrogação do pedágio no Paraná, deste modelo absurdo que existe, que foi implantado na década de 1990”, revelou.
Lideranças 
O encontro em Foz do Iguaçu, organizado pelo vice-prefeito e candidato a deputado estadual Nilton Bobato (PCdoB), contou com participação dos candidatos ao Senado Roberto Requião (MDB) e Nelton Friedrich (PDT). O ato, que lotou o auditório do Hotel Carimã, teve presença de candidatos a deputado federal e estadual da coligação de João Arruda e lideranças da cidade e região.
  • Publicado por TN Online.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →