Mainardes desabafa: “Na hora da festa, esqueceram de nós”

Mainardes criticou a ausência dos vereadores na assinatura do empréstimo da Prefeitura com a Caixa. Foto: Kauter Prado. CMPG.
O presidente da Câmara Municipal de Ponta Grossa, Sebastião Mainardes Júnior (DEM), fez um pronunciamento logo após o último vereador utilizar a Tribuna no horário da comunicação parlamentar, em tom de desabafo.
Mainardes utilizou palavras duras para comentar o evento realizado pela Prefeitura de Ponta Grossa, na última segunda-feira, dia 15, quando o prefeito Marcelo Rangel assinou o contrato de empréstimo com a Caixa Econômica Federal para a liberação de R$ 60 milhões para obras de pavimentação e equipamentos de informática.
O presidente da Câmara começou dizendo que o legislativo tem sido parceiro do governo municipal: “aprovamos todos os parcelamentos enviados pelo Poder Executivo, aprovamos o empréstimo com a Caixa Econômica Federal, e na hora da assinatura do contrato, a Câmara Municipal não foi chamada”, disse Mainardes.
Para o chefe do Poder Legislativo, houve dois grandes erros no evento realizado na segunda-feira: “Primeiro, que marcaram o evento para as 14 horas, mesmo horário da sessão desta Câmara. Segundo, que não convidaram nenhum vereador para a cerimônia”, desabafou.
“Não sei erro de quem foi, mas foi um grande desrespeito com esta Casa…Na hora da festa, esqueceram de nós!”, desabafou Mainardes, visivelmente triste e decepcionado com a gafe cometida pela Prefeitura Municipal.
Na verdade, ficou no ar uma certa dúvida entre os vereadores: se o esquecimento, a gafe de simplesmente ignorar os vereadores, teria sido por descuido dos organizadores ou intencional por parte do governo municipal.
  • Paulo Sérgio Rodrigues, editor.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →