Pauliki protocola novo pedido para extinção ou redução da taxa da água

Deputado Pauliki protocolou novo pedido para acabar com tarifa mínima da água. Foto: Divulgação.
O deputado estadual Marcio Pauliki segue na luta para que os valores de cobrança da tarifa da água sejam revistos e não prejudiquem a população paranaense. O parlamentar protocolou novo pedido para que a Sanepar e o governo do estado alterem a forma da cobrança da tarifa mínima da água.
No documento, Pauliki reivindica que seja feito uma verificação e readequação do sistema de cobrança. “É necessário que a tarifa mínima seja revista, pois a Sanepar reduziu de 10m³ para 5m³ e não reduziu o valor cobrado proporcionalmente. Conforme meu pedido original, os valores deveriam ter sido reduzidos também pela metade ou então que se acabe de uma vez com esta tarifa mínima que compromete a renda das famílias mais humildes”, afirma o deputado.
A medida se faz necessária para que a população não seja prejudicada com a atual forma de cobrança realizada pela companhia. Isso porque a Sanepar propôs no ano passado a redução da tarifa mínima pela metade, passando de 10 m³ para 5 m³. “Mas a redução do valor não aconteceu na mesma proporção. Volto a ressaltar a urgência e a necessidade dessa situação ser revista”, salienta Pauliki.
No ano passado e em maio deste ano, o deputado já protocolou pedidos para que essa situação seja revista. “Após observar algumas cidades que através de suas Câmaras Municipais estão debatendo este assunto, não posso me isentar em trazer para a Assembleia esta discussão. Como representante da sociedade vou seguir nessa luta a fim de conseguir medidas para que a população não seja onerada”, ressalta.
  • Da assessoria.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →