E começou o racha no PSDB de Ponta Grossa

Documento apócrifo causou mal estar entre os tucanos da cidade e poderia abrir um racha entre vereador Kalinoski e Felipe Passos.
O PSDB de Ponta Grossa, assim como no Estado do Paraná, e nos parece em todo o Brasil, vive momentos de turbulências.  Um exemplo disto, foi um episódio ocorrido no final de semana o qual ajudou a colocar mais lenha na fogueira das vaidades que assolam os Tucanos da cidade.
Na sexta-feira passada, dia 12, o vereador Eduardo Kalinoski teria recebido em mãos uma suposta notificação do Diretório local do PSDB, cobrando do vereador o seu posicionamento quanto ao Projeto de Lei 211/2019, que trata da criação do Fundo Municipal do Transporte Coletivo.
O documento continha o nome do vereador Felipe Passos, presidente municipal do PSDB, mas não estava assinado, e segundo informações de bastidores, teria sido entregue após cobrança insistente do prefeito Marcelo Rangel, importante figura do PSDB local.
O “estress” parece ter iniciado ainda na eleição da Mesa Executiva, quando o vereador Eduardo Kaloniski, outrora linha de frente do bloco governista, apoiou outro candidato contrário ao Governo Municipal.  Na atual legislatura, o vereador tem se posicionado mais para a oposição, votando contra projetos de interesse do Executivo.
É importante lembrar que na votação do primeiro projeto do fundo, Kalinoski absteve-se da votação, e a ausência de seu voto foi decisivo para que o governo sofresse aquela derrota.
Fica agora a expectativa de como será a reação do vereador virtualmente notificado e como será a digestão dos membros do partido com a entrega deste documento.
O certo é que o PSDB em Ponta Grossa está rachado. Não há convergência dos caminhos atuais que a sigla segue em termos de posicionamento perante o Governo Municipal, abrindo-se espaço para especulação de como será o futuro do partido nas eleições municipais.
  • Paulo Sérgio Rodrigues, editor.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →