Pauliki diz que é pré-candidato a prefeito, mas vai discutir propostas com a oposição

Deputado estadual por 4 anos entre 2015 e 2018, Márcio Pauliki concedeu uma entrevista exclusiva ao Política Em Destaque nesta semana. Na entrevista, Pauliki falou sobre vários temas de economia e política.
Quanto a uma possível candidatura no ano que vem, Pauliki disse que é pré-candidato a prefeito, mas vai discutir propostas para a cidade com os demais eventuais pré-candidatos da oposição.
Confira os principais pontos de entrevista.
RESPOSTA AO PREFEITO
Pauliki comentou as declarações do prefeito Marcelo Rangel, que comentou sobre os possíveis candidatos a prefeito no ano que vem, e disse que Pauliki teria sido derrotado em 5 eleições, não conseguiu reeleição e não apresentou resultados em seu mandato como deputado estadual.
“Rangel está tentando desvirtuar o assunto, tirar o foco sobre sua administração. Uma tática antiga que muitos governantes usam para jogar polêmica na mídia e disfarçar os reais problemas da Administração, como desvios de dinheiro no Mercado da Família, dos combustíveis e do alto grau de endividamento do município com vários financiamentos feitos por este governo”, disse Márcio.
TRANSPORTE COLETIVO
“Vai ser uma grande discussão, pois temos aí o Uber, enfim uma série de mudanças do uso das pessoas do transporte coletivo. A questão da planilha por exemplo, é um problema que está lá no contrato, que foi feito há 20 anos atrás, onde temos por exemplo, cobradores em ônibus sem parar, o que é um absurdo, mas tem a Lei que proíbe ônibus sem cobradores”.
“Quanto ao Fundo do Transporte, muitas cidades já usam este modelo, mas de uma outra forma, onde os recursos das empresas que pagam o vale transporte, vão para um fundo só. Tem cidades que o custo do transporte é de 1 real e tem cidades que o transporte é gratuito. E tem o Bilhete Único, nossa proposta que permite o usuário usar o ônibus para pagar uma conta, levar a criança no médico e durante um determinado período, não pagar outra passagem.
MOMENTO ECONÔMICO
“Estamos vivendo um momento complicado. As empresas não estão vendendo. Tem muito desemprego. Esperamos que com a aprovação da Reforma da Previdência e também a Reforma Tributária que simplifique e desonere o consumo, possamos voltar a crescer e gerar empregos. Este é o grande desafio”.
PONTA GROSSA 2.0
Pauliki revelou ainda que a partir do mês de setembro estará lançando o Projeto Ponta Grossa 2.0. “É um conjunto de propostas que vamos discutir com toda a sociedade pensando no futuro da cidade, naquilo que podemos mudar para o bem de todos. Esta é a política do jeito certo”.
PRÉ-CANDIDATURA A PREFEITO
“Como tudo isto que já conseguimos, como todo nosso histórico, é claro nos sentimos no direito de uma pré-candidatura. Mas, isto não pode ser imposto. Vamos discutir isto com a oposição ao atual governo municipal, com o Jocelito, com  a Mabel, com o próprio Aliel, enfim que mais quiser fazer parte de um amplo debate sobre o futuro da cidade. De repente nem serei eu o candidato deste grupo, mas certamente farei parte do projeto visando as eleições do ano que vem”.
Toda a semana o Política Em Destaque estará entrevistando personagens, lideranças políticas e empresarias. Nesta próxima semana, que começa com o dia 19, o presidente da Câmara Municipal de Ponta Grossa, Daniel Milla será o entrevistado.
  • Paulo Sérgio Rodrigues, editor.

 

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →