Vinicius Camargo diz que “comissionados estão fazendo campanha antecipada”; ouça o áudio

Vinicius Camargo reclamou dos cargos comissionados que estariam fazendo campanha política utilizando suas funções. Foto: Kauter Prado – CMPG.
O vereador Vinicius Camargo utilizou a Tribuna da Câmara Municipal de Ponta Grossa na última segunda-feira (12) para reclamar de alguns ocupantes de cargos comissionados da Prefeitura, os quais na opinião do vereador, estariam utilizando suas funções para fazer campanha antecipada (para vereador, acredita-se).
“Existem alguns funcionários, cargos comissionados, que estão recebendo pra fazer campanha…”, disse o vereador ao comentar algumas situações que envolvem a atuação de comissionados da Prefeitura, citando um exemplo de um fiscal de tributos que teria sido impedido de realizar fiscalização no Parque Monteiro Lobato, por uma pessoa que ocupa cargo comissionado.
Para o vereador a atuação destas pessoas “é um desrespeito, é inadmissível, a pessoa estar recebendo para trabalhar e fazer campanha antecipada, já que prometeu aos ambulantes que daria um jeito quanto a fiscalização”, destacou.
Já há algum tempo, vários vereadores, inclusive da base governista, vem relatando a atuação de alguns ocupantes de cargos de comissão da Prefeitura de Ponta Grossa, os quais estariam utilizando suas funções administrativas como trampolim político.
A situação se agrava a partir de agora em que estamos há 1 ano da campanha para eleição de 2020, quando os atuais vereadores devem tentar a reeleição, e muito possivelmente, ocupantes de cargos na estrutura da Prefeitura devem lançar seus nomes nas urnas, abrindo concorrência com os atuais parlamentares.
Parece que o caldo vai engrossar a partir de agora.
Ouça o áudio do pronunciamento do vereador Vinicius Camargo.

About Paulo Sérgio Rodrigues

Comentarista político, radialista, trabalhou em diversas emissoras de rádio, em TV e em jornais de Ponta Grossa, vem atuando há 30 anos no jornalismo de Ponta Grossa e região dos Campos Gerais.

View all posts by Paulo Sérgio Rodrigues →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *